A artista visual Rafa Monteiro, ou apenas Rafa Mon - é mineira de Monte Sião. Começou a carreira trabalhando com moda, mas logo começou a se aventurar pelas artes plásticas, sua grande paixão, testando seus desenhos ultra coloridos em bolsas e camisetas, até que se aventurou na primeira parede e nunca mais parou. 

 

A partir de 2014 intensificou seus trabalhos politizados, o que só fez aumentar a popularidade e o alcance de sua arte. Na esteira desse sucesso, vieram diversos trabalhos de muita visibilidade, como a pintura do teto da Casa de Cultura Laura Alvim e o desenvolvimento de uma estampa exclusiva para a Adidas nas Olimpíadas do Rio. 

 

Outros trabalhos marcantes incluem um mural de 350m2 no Riocentro, além de estampas para as marcas Salinas e Maria Filó. Isso sem falar no ativismo, Rafa já pintou diversos murais em ações de combate à homofobia. Ano passado produziu o maior painel de sua carreira, a lateral de um prédio na orla de Botafogo, com 36 metros de altura. Ainda no último ano participou da linha de sandálias da marca Ipanema/Grendene assinando duas estampas da nova coleção, lançou sua primeira coleção de cadernos pela editora 3B e foi convidada pela ONG WWF para fazer parte do time de artistas que criou ações para uma de suas campanhas em São Paulo. Iniciou 2019 criando um mural de 600m2 na Barra da Tijuca e nos próximos meses deve lançar sua participação em mais uma linha de sandálias da marca Ipanema/Grendene assinando três novas estampas.

 

De um impacto visual tremendo e com um estilo marcante, suas obras podem ser vistas em vários pontos do Rio de Janeiro, onde reside há 14 anos, sempre se impondo o desafio de tornar a cidade maravilhosa ainda mais bonita.